Sinopse Os moradores mais antigos do Brasil se dividem em muitos povos ? 305 no total, somando quase um milhão de pessoas ?, presentes em todos os estados brasileiros. Nós aprendemos a chamá-los pelo mesmo e único nome: ?índios?, como se fossem todos iguais. Mas, na verdade, não são; isso é um erro. Cada povo (e não tribo!) tem um modo diferente de ser e de ver o mundo e, assim, cada um deles possui seu nome próprio: povo Yanomami, povo Waimiri-Atroari, povo Munduruku, povo Wapichana e vários ou
Meneguettis
Product ID: 3548
Product SKU: 3548
New In stock />
A BOCA DA NOITE

A BOCA DA NOITE

Marca: Meneguettis Referência: 9788579331077

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete

Sinopse

Os moradores mais antigos do Brasil se dividem em muitos povos - 305 no total, somando quase um milhão de pessoas -, presentes em todos os estados brasileiros. Nós aprendemos a chamá-los pelo mesmo e único nome: "índios", como se fossem todos iguais. Mas, na verdade, não são; isso é um erro. Cada povo (e não tribo!) tem um modo diferente de ser e de ver o mundo e, assim, cada um deles possui seu nome próprio: povo Yanomami, povo Waimiri-Atroari, povo Munduruku, povo Wapichana e vários outros... O menino Kupai, personagem principal desta história, muito curioso e inventivo, conta aqui um pouco da infância, da família, do cotidiano e da criatividade do povo Wapichana.

Prêmio Jabuti 2017 - categoria Infantil

Prêmio FNLIJ 2017 - categoria Criança

Prêmio FNLIJ 2017 - categoria Melhor Ilustração

Catálogo de Bolonha FNLIJ 2017

Publicado na Dinamarca e na Suécia 2017

Estrela de Prata no Prêmio Peter Pan - IBBY Suécia 2017

Menção honrosa no Concurso FNLIJ/UKA Tamoios de Textos de Escritores Indígenas 2014

 

Temas:
Povos indígenas,
 

Gênero:
Fantasia

Literatura:
Infantil

Autor:
Cristino Wapichana

Ilustradores:
Graça Lima

Páginas:
40

Acabamento:
Brochura


ISBN:
9788579331077

Ano de Edição:
2016


Idioma:
português 
 

Produto Digital:
Não


Dimensões:

24  x 28 x 0,5 cm

Autor:
Cristino Wapichana é autor indígena do povo Wapichana, lá do estado de Roraima. Gosta de escrever histórias; quando viram livros, andam soltas pelo mundo. Ganhou o Concurso FNLIJ/UKA Tamoios de Textos de Escritores Indígenas, e esta história aqui ganhou menção honrosa, em 2014, nesse mesmo concurso. Também já ganhou prêmios com músicas, como compositor. É ainda contador de histórias, e até afina piano... Mas o que eu mais gosta de fazer é escrever. Falar das ricas culturas indígenas e do quanto são importantes desde a formação do Brasil.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características



    O Escritor:

     

    Cristino Wapichana é autor indígena do povo Wapichana, lá do estado de Roraima. Ele gosta de escrever histórias que quando viram livros, andam soltas pelo mundo. Ele já ganhou o Concurso FNLIJ/UKA Tamoios de Textos de Escritores Indígenas, e esta história aqui ganhou menção honrosa, em 2014, nesse mesmo concurso. Cristino Wapichana prêmios com músicas, como compositor. Sou ainda contador de histórias, e até afino piano... Mas o que eu mais gosto de fazer é escrever. Falar das ricas culturas indígenas e do quanto são importantes desde a formação do Brasil.

     

     

    A Ilustradora:

     

    Graça Lima é formada em comunicação visual pela Escola de Belas-Artes/UFRJ, onde leciona atualmente. Ilustrou mais de cem livros e ganhou muitos prêmios, entre eles o Jabuti quatro vezes.

    Confira também